Saiba o que é retração gengival

Saiba o que é retração gengival

Saiba o que é retração gengival
Ter uma boca saudável e com bons hábitos de higiene nem sempre significa estar livre de algum problema. Considerada uma das condições mais prevalentes na população mundial, a retração gengival é um desses males que surge mesmo em sorrisos saudáveis. Aliás, a estimativa é de que metade da população mundial, com idades entre 18 e 65 anos, tenha pelo menos um dente com retração gengival.

Mas o que é retração gengival? Bom, de forma simplificada, é uma redução que da cobertura do dente pela gengiva, deixando ele mais exposto. Os motivos para seu surgimento são muitos. O principal deles tem a ver com o envelhecimento. No entanto, o uso errado da escova ou escovar de forma incorreta os dentes também contribuem para o surgimento e a progressão do problema. 

Outras causas comuns são dentes mal posicionados e a espessura da gengiva e do tecido ósseo. Além disso, o uso inadequado de aparelhos ortodônticos com um mal planejamento, restauração ou margens de próteses mal adaptadas e doenças periodontais também ajudam no surgimento da retração gengival. 

O diagnóstico vai depender da localização e da profundidade da retração. Dependendo da sua extensão, ela pode prejudicar até mesmo a alimentação. Isso ocorre porque com a raiz do dente exposta, a pessoa sente mais sensibilidade e todo mundo sabe como isso é ruim na hora de se alimentar. Em alguns casos, a retração também pode elevar o risco de outros problemas como cáries e lesões, como a erosão e a abrasão dentária. 

Como evitar e tratar a retração gengival

Para evitar a retração gengival, existem cuidados simples. O primeiro deles, é o uso correto da escova dental. Sem pressionar demais. Visitas periódicas ao dentista também são fundamentais para evitar esse problema ou identificá-lo ainda no início. 

Em caso de retração já avançada, principalmente se for associada a desgastes ou lesões nos dentes, o dentista pode precisar realizar um tratamento endodôntico, o popular tratamento de canal. Vale lembrar que se o problema não for tratado, existe o risco de o paciente perder o dente. Em alguns casos, pode ser necessária a correção cirúrgica. Por isso a importância de visitar um dentista especialista em Periodontia.




Posts mais vistos